Sed ut perspiciatis unde omnis iste natus error sit voluptatem accusantium doloremque laudanti.
Follow Me
Categorias do Blog
Últimos Posts
Arquivos
Search
TOP
Médico Oftalmologista é conduzido para a delegacia após xingar e ameaçar funcionária de um escritório de advocacia - Marcelo Campelo Advogado
17253
post-template-default,single,single-post,postid-17253,single-format-standard,eltd-core-1.1.2,eltd-boxed,awake-ver-1.2,eltd-smooth-scroll,eltd-smooth-page-transitions,eltd-mimic-ajax,eltd-grid-1200,eltd-blog-installed,eltd-default-style,eltd-fade-push-text-right,eltd-header-classic,eltd-sticky-header-on-scroll-down-up,eltd-default-mobile-header,eltd-sticky-up-mobile-header,eltd-menu-item-first-level-bg-color,eltd-dropdown-default,eltd-,eltd-fullscreen-search eltd-search-fade,eltd-side-menu-slide-from-right,wpb-js-composer js-comp-ver-6.9.0,vc_responsive

Médico Oftalmologista é conduzido para a delegacia após xingar e ameaçar funcionária de um escritório de advocacia

Marcelo Campelo Advogado / Direito da Saúde  / Médico Oftalmologista é conduzido para a delegacia após xingar e ameaçar funcionária de um escritório de advocacia

Médico Oftalmologista é conduzido para a delegacia após xingar e ameaçar funcionária de um escritório de advocacia

 Polícia Militar prendeu um médico oftalmologista que teria xingado e ameaçado a funcionária de um escritório de advocacia no centro de Patos de Minas. O fato aconteceu no fim da manhã desta quarta-feira (01/06). O suspeito foi preso em casa na Rua Anicésio Vieira, Bairro Rosário.

Segundo informações da Polícia Militar, o advogado alegou que o médico esteve no escritório e proferiu alguns xingamentos e ameaças contra uma secretária. Não houve danos no local.

Os policiais foram ao escritório, porém o médico já havia saído. O advogado mostrou imagens e contou que, além de ameaçar e xingar a funcionária, o oftalmologista teria menosprezado o escritório de advocacia.

Ainda no flagrante, os militares foram até a casa do médico Daniel Tolentino.  Ele disse que esteve no escritório e que estava nervoso, mas não reconheceu as ameaças. Após o registro da ocorrência, o médico foi liberado da delegacia.

Fonte: Lélis Félix

No Comments

Sorry, the comment form is closed at this time.

× chamar